Serviços
Versão para impressão Enviar por E-mail

Biblioteca Nacional de Portugal

Serviço de Difusão, Projetos e Cooperação
Campo Grande, 83
1749-081 Lisboa
Portugal

Tel. 21 7982064

 

Este endereço de e-mail está protegido de spam bots, pelo que necessita do Javascript activado para o visualizar

 

 

♦ Regulamento

 

♦ Carta de Princípios

 

♦ Publicações e Comunicações:

- Informações Técnicas PORBASE
- Boletim PORBASE
- 9ªs Jornadas PORBASE
- 10ªs Jornadas PORBASE

 

porbase_mini_banner_thumb

Cooperação PORBASE

 

 

A PORBASE – Base Nacional de Dados Bibliográficos, é o catálogo colectivo em linha das bibliotecas portuguesas. Estabelecida em 1986, a PORBASE é coordenada pela Biblioteca Nacional de Portugal (BNP) e está disponível ao público desde Maio de 1988, sendo actualmente a maior base de dados bibliográficos do país, que reflecte não só as colecções da BNP como também de mais 180 outras bibliotecas portuguesas de variados tipos e dimensões, tanto públicas como privadas.

 

Aberta à livre participação das bibliotecas portuguesas, a PORBASE assenta numa filosofia de cooperação com Regulamento próprio, visando otimizar os recursos disponíveis e a normalização das práticas profissionais. A adesão à PORBASE requer a adopção de determinados princípios e normas bibliográficas tal como definido genericamente da Carta de Princípios PORBASE.

 

Formato e regras de descrição bibliográfica

O formato legível por computador definido na PORBASE é o UNIMARC, tanto para registos bibliográficos como de autoridade. A descrição bibliográfica segue as Regras Portuguesas de Catalogação (RPC, reimp. 1996), que por sua vez seguem a ISBD – International Standard Bibliographic Description e se baseiam nas AACR2 – Anglo-American Cataloguing Rules.

Representação de assuntos

Para o acesso por assunto a norma comum adotada é a CDU - Classificação Decimal Universal. Tratando-se de uma base colectiva formada por registos provenientes de catálogos com diversas políticas e linguagens de indexação, só a CDU, pela sua natureza codificada, permite ultrapassar essa heterogeneidade. Embora a pesquisa por assunto através de descritores, cabeçalhos ou palavras-chave seja também possível, deve ter-se em consideração o facto de o índice alfabético de assuntos não ser controlado de forma a garantir uma recuperação coerente e exaustiva da informação. No âmbito do Projeto CLIP, encontram-se disponíveis listas de terminologia para indexação nas áreas de Belas Artes, Agricultura, Ciências da Saúde, Ambiente e Questões Sociais, que deverão ser utilizadas pelas bibliotecas cooperantes que pretendam ter os descritores ou cabeçalhos de assunto dos seus registos integrados na PORBASE.

 

Para aderir à PORBASE

Contacte por escrito o Serviço de Difusão, Projetos e Cooperação, indicando as características da biblioteca ou serviço de informação, as áreas temáticas cobertas, o formato de dados e o sistema informático utilizado e enviando um ficheiro ISO2709 com uma pequena amostra de registos bibliográficos do seu catálogo. Em resposta a BNP enviará a documentação técnica necessária ao início do processo de cooperação, assim como o protocolo de adesão, iniciando simultaneamente a avaliação dos registos recebidos para efeitos de verificação das condições de normalização e compatibilidade.